EA 80: Hygina Bruzzi

A luz natural, filtrada pelo painel translúcido, confere ambiência etérea à sala | os pilares revestidos com espelhos criam um jogo visual

A exposição EA 80: Hygina Bruzzi aconteceu no Palácio das Artes e foi parte da comemoração do aniversário de 80 anos da Escola de Arquitetura da UFMG. Aluna e professora da Escola, a arquiteta, poeta, filósofa e artista Hygina Bruzzi foi homenageada com o resgate de parte de sua obra. No ambiente, cores, reflexos, visível e tangível transformam o espaço expográfico e submergem o espectador no complexo universo da produção de Hygina.

Belo Horizonte, 2011

Ficha técnica:
Concepção e curadoria: Celina Lemos e Flávio Carsalade
Expografia: Cristiano Cezarino, Fernanda Chagas e Gabriel Jota
Pesquisa e seleção de trabalhos: Paula Bruzzi

Na parede, uma nuvem de pinturas, poemas e fotos de Hygina aproxima o público do complexo universo da arquiteta


Espelhos adesivados com poemas


No chão, um poema de Hygina conduz o público ao longo da galeria

Entrada da sala

 

1 Exposição de pinturas, poemas, fichamentos, manuscritos e recortes de jornal
2 Pilares revestidos com espelhos adesivados
3 Painel translúcido em PVC Sarja para filtrar a luz externa